Radio Cambeonline
Publicidade
Publicidade
Nossa Localizacao
Cambé/Pr
Vigilância Sanitária interdita comércio de mostarda por divergência no rótulo
31/10/2017

A comercialização da mostarda amarela da marca Heinz foi interditada cautelarmente pela Vigilância Sanitária Estadual. Foi interditado o lote em que o rótulo afirma não ter glúten, mas também declara que o produto pode conter trigo.

A decisão obriga o comércio atacadista ou varejista de todo o Estado a retirar os produtos da área de vendas.

De acordo com a lei, produtos industrializados devem conter no rótulo a informação sobre ter ou não glúten em sua composição, independente da quantidade. “A obrigatoriedade surge para evitar que pessoas intolerantes à substância possam desencadear alguma reação alérgica a partir do consumo da proteína que é encontrada no trigo, na cevada e no centeio”, explica a chefe da Vigilância Sanitária de Alimentos, da Secretaria de Estado da Saúde, Karina Ruaro.

O argumento para a interdição da mostarda da marca Heinz se dá pelo fato de que é falsa a informação ‘não contém glúten’, pois está ao lado da afirmação de que o produto pode ter trigo. “A rotulagem da mostarda está em desacordo com a legislação vigente no país por induzir o consumidor ao erro, podendo causar sérios riscos, principalmente à saúde dos celíacos”, continua Karina.

A Secretaria estadual da Saúde do Paraná notificou a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e a Vigilância Sanitária do Estado de Goiás, onde fica a sede da Heinz do Brasil.

Notificação

O consumidor que encontrar a mostarda amarela Heinz sendo comercializada deve notificar a vigilância sanitária do seu município pelo telefone 156 ou a Ouvidoria Geral da Saúde Sesa/PR pelo 0800 644 4414.

Fonte: ANPr
Cidade Sertaneja
00:00 as 24:00
Publicidade
Peça a sua música!
Envie seu Pedido Musical preenchendo todos os dados abaixo:
Atendimento
Borges de Medeiros 89 - Centro - Cambé/Pr
Ligue agora
(43) 9924-0334
Horário de atendimento
08:00 AS 18:00 HS